Crochê, porque estou estressada!

forro de tamborete
De tempos em tempos mudo meu foco para alguma coisa para se fazer com as mãos e, aproveitando para limpar os armários e jogar coisas fora, resolvi usar os restinhos de lã que sobraram da colcha de crochê.

janeiro 2013 075
Fui brincando com os desenhos (quadrados, triângulos, pentágonos e círculos) e numa destas saiu um forro para o tamborete que tenho ao lado da mesinha do telefone. Um círculo se transformou numa flor, depois foi sendo aumentado aos poucos com diversos pontos altos em formatos de rosácea e que quando chegou na medida borda do tamborete começou a ser “diminuído” (a cada 10 pontos altos diminui 1 ponto, depois na próxima carreira a cada 5 pontos altos, depois duas carreiras diminuindo 1 ponto a cada 3 pontos altos), parecendo que se está fazendo uma boina (essa diminuição vai segurar o forro por baixo).Fiz um acabamento em biquinho (5 pontos altos no mesmo lugar, pula dois pontos da base, insere um ponto baixo, pula dois pontos, faz 5 pontos altos no mesmo ponto, etc…). Para manter o forro no lugar, passei uma fita a cada 3 pontos altos (carreira anterior aos biquinhos), como uma passamanaria, e dei um laço.

janeiro 2013 074
Na verdade, estou fazendo crochê para me manter calma, frente a alguns “estresses” negativos. Enquanto trabalho com as mãos mantenho a mente livre para pensar melhor…Igual ao Gromit, do Nick Park, que faz tricô sempre que está nervoso!

Anúncios

Comente aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s